Sua empresa no azul em 2019

Article by · 28/03/2019

O ano de 2019 só está começando, e empresas de todos os portes, do MEI a grandes corporações, já fizeram o planejamento para 2019. Mas se você ainda não conseguiu fazer isso, a gente conversou com nossos especialistas para ajudar na organização do faturamento da sua empresa. Veja nossas dicas:

1. Organize suas receitas

Primeiro passo de toda re-estruturação: saber quanto dinheiro entra na empresa e garantir que seja suficiente para cobrir os custos. Se não estiver favorável, você precisa analisar o que é possível fazer para otimizar sua empresa (pessoal, equipamentos ociosos, aluguel…)

2. Reveja contratos

Todo ano as empresas aumentam os preços, acompanhando a inflação. E por isso, é necessário que você verifique a situação de fornecedores, prestadores de serviços e outros terceiros. Se você ainda não reviu também, houve mudanças no Simples Nacional em 2018. E isso reflete nos custos, porque o pagamento dos impostos foram simplificados para quem já aderiu (empresas do Lucro Presumido, por exemplo). Uma parte importante de ser revista entre esses contratos é seu plano de telefone.

3. Reduza o custo em comunicação

Hoje, as linhas fixas são mais caras que as linhas móveis. E se você trabalha na rua o dia todo, é necessário ter uma linha de celular que não cobre por ligações, com um plano de Internet robusto. Aqui na Nextel, temos diversos planos empresa para ajudar você a reduzir custos, porque nossos preços são negociáveis e tem ligações ilimitadas. Orce com a gente um plano empresa ​aqui.

CONTRATE AGORA

4. Modernize processos

Hoje tem diversas ferramentas digitais para você aumentar a eficiência da sua empresa. Ou seja, fazer mais com menos. Online é possível chamar motoboys, contratar prestadores de serviço, fazer a contabilidade, alugar imóveis e uma infinidade de ações que vão agilizar sua vida empresarial.

5. Separe as contas pessoais e jurídicas

Um erro muito comum na vida dos autônomos ou microempresas é deixar a receita pessoal e empresarial na mesma conta do proprietário. Dessa forma, fica mais fácil haver confusões entre o que é dinheiro seu e da sua empresa, pode causar um buraco no orçamento. Sem falar que isso pode trazer algum problema junto ao Leão da Receita Federal. Faça assim: abra uma conta empresa separada e evite dor de cabeças.

6. Regra 5X

Essa dica é muito simples de seguir: os gastos da sua empresa devem ser 5 vezes menores que o faturamento da sua empresa. Portanto, se você ganha 10 mil reais por mês, o custo da empresa tem que ser 2 mil reais. Essa regra é boa para você criar uma “gordurinha” para quando entrar menos dinheiro na empresa, ou então para poder investir no crescimento do negócio, manutenção e emergências.

7. Estabeleça objetivos e metas anuais

Sem saber para onde ir e em quanto tempo chegar fica mais difícil de manter uma empresa saudável. Reúna sua equipe e estabeleça os objetivos e metas para ano. E o mais importante, tente cumprir! Quando todo o time está focado e alinhado, mais chances de todo mundo ter um final de ano mais feliz, com muito sucesso.