Como preparar a casa para receber um cãozinho

Article by ·

Receber um filhote (ou um cão adulto) em casa exige muitos cuidados e mudanças, sabia? Esse é um momento mais que especial – quando será moldada a sua relação com o pet – e por isso tudo precisa estar perfeito!

Por isso, nós separamos dicas de como preparar a casa para receber um cãozinho. Dá uma olhada e mãos à obra!

Guarde enfeites e itens que quebram (mesmo que temporariamente)

Filhote de cachorro é que nem criança, né? Adora fazer bagunça, roer objetos e correr pela casa sem muitos limites. Por isso, é muito importante que você tome alguns cuidados e realize mudanças na organização dos cômodos e na disposição dos objetos. 

Vasos de plantas, porta-retratos, enfeites de cerâmica ou de vidro, por exemplo, não podem ficam em mesas muito baixas. O ideal, inclusive, é que eles sejam guardados durante um tempo – pelo menos enquanto o pet ainda é filhote. Assim, não corre o risco de o cãozinho derrubar os enfeites e acabar se machucando.

Tome cuidado com as plantas, pois algumas são venenosas aos pets

Também é importante tomar cuidado com as plantas que você tem em casa, sabia? Algumas espécies (como a espada-de-são-jorge, copo de leite e comigo-ninguém-pode) são venenosas para os cães e devem ser evitadas no seu jardim. Para não correr riscos, a nossa sugestão é ter apenas plantinhas pet friendly em casa, como bambu, samambaia e camomila.

Cuidado!

Guarde outros itens tóxicos, como produtos de limpeza e remédios

Nada de deixar produtos de limpeza e remédios em mesas baixas ou em pontos muitos acessíveis da casa, ok? Assim como alguns tipos de plantas, esses itens são altamente tóxicos para os cães e devem ficar devidamente guardados – isto é, fora do alcance dos pets.

Não deixe sapatos e roupas espalhados pela casa

Se você não quer encontrar roupas, toalhas e sapatos roídos pela casa, a nossa sugestão é deixá-los devidamente guardados em armários e gavetas. Quando o cão é filhote, em especial, esse tipo de acidente é muito comum – então lembre-se de também ter paciência nesse primeiro momento, ok?

Uma hora crescem e levam seus tênis embora.

Defina um lugar para ele fazer as necessidades

Antes de o cãozinho chegar em casa é muito importante que você já tenha alguns pontos definidos – como o local em que ele deve fazer as necessidades. Se você mora em apartamento, por exemplo, a nossa sugestão é definir um cantinho na área de serviço para forrar com jornal ou com um tapete higiênico.

Se não educar desde cedo, boa sorte.

Deixe sempre um pote com água, uma caminha e invista nos brinquedos e mordedores

Além de criar o cantinho do xixi, você também precisa definir um lugar para colocar a vasilha de água e a caminha do cachorro. Além disso, invista nos brinquedos (como bolinhas, argolas de borracha e bichos de pelúcia) e nos mordedores mesmo quando o cãozinho for adulto. Assim fica mais fácil ensinar ao pet que, quando se trata de roer, apenas os brinquedinhos estão liberados.

Imprevistos estruturais não precisam ser um problema

Pode até parecer muita coisa, mas você vai ver que dá para resolver tudo rapidinho! E se rolar algum imprevisto estrutural (como alagamento devido a um cano furado) também não precisa se preocupar: com o Assistência Residencial você conta com serviços residenciais a qualquer hora do dia ou da noite para resolver emergências na sua casa. Saiba mais no nosso Portal de Serviços!